domingo, 29 de julho de 2018

Camisola com onda(s)

domingo, 29 de julho de 2018
Terminei mais um projecto, uma camisola com um ar bastante casual, bem descontraída, tal como eu gosto. O ponto encontrei-o numa revista que tinha cá por casa, da altura em que ainda as comprava, gesto que hoje em dia é muito raro. Vá, duas ou três vezes ao ano ainda compro, desde que considere que tem algo tão especial que justifica a compra. Mas, regressemos à minha camisola nova, ei-la.
.
.
Iniciei-a no ano passado, no Verão. Chegada a estação fria esteve em hibernação dentro da cesta e agora foi chegado o momento de a terminar. E usar! Levei-a a dar um passeio e o meu filho mais velho lá me fez o obséquio de tirar umas fotos.
Já vi muitas vezes este ponto em camisolas, mas sempre no sentido longitudinal. Decidi usá-lo no sentido vertical, sou pessoa pequena e riscas ao alto sempre me dão mais alguma estatura, não que tenha alguma questão com o meu metro e meio, mas o certo é que gosto mais de me ver com riscas ao alto do que atravessadas.
.
Esta camisola foi feita em quatro rectângulos, com algodão mississippi 3, dos fios Katia. Dois maiores compõem frente e costas, e dois mais pequenos respeitam às mangas. Depois é só unir as peças e fazer um pequeno remate em ponto baixo, no decote, na zona do cós e nas mangas, como aliás podem ver na primeira foto das que se seguem. Na segunda foto, que foi tirada ainda durante o processo, dá para ver o formato rectangular da peça que compõe a frente, as costas são iguais.

.
E também dá para me verem, meio escondida, ali de lado a tirar a foto e, por ironia, com uma camisola às riscas longitudinais ahahahah
Termino a publicação de hoje com a partilha da imagem da revista com a amostra do ponto e o modelo original. A minha versão, além de ter as ondas ao alto, é um modelo mais largo, tipo túnica, com mangas igualmente largas e a três quartos.

imagens da revista "Sandra especial", nº17, não refere ano de edição, mas é antiga...
A partir daquele, criei um modelo mais actual e com cores que os meus olhos gostam de ver juntas. É sempre um desafio vislumbrarmos o actual no mais antigo. E como este tenho mais uma série de modelos, já escolhidos nas revistas antigas, que hei-de trazer para a actualidade.
E um destes dias hei-de começar a escrever os padrões dos projectos que faço. Ando a treinar, já faltou mais.
Tenham uma excelente semana ❤



Até já
Ana Lado B




6 comentários:

  1. Como sempre, um trabalho maravilhoso! A camisola está tão linda. Obrigada pela partilha :-) a ver se é assim que ganho o impulso necessário para um casaquito para mim <3
    Beijinhos, Susana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Susana <3
      Ah, vamos lá a esse casaco!!!

      Eliminar
  2. Bem gira, Ana, e adequada à estação! A cor e o ponto são lindos e só remete ao mar.Também já se foi o tempo em que aguardava ansiosa a chegada da revista Casa Claudia a casa. Era assinante e o melhor programa era ir para casa e poder desfrutá-la. Agora já não compro nem uma, é tudo pela internet. Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão, faz lembrar o mar ;)
      Pois, as revistas... este ano até à data comprei duas. Uma nacional, comprei por curiosidade a 1ª edição, para a conhecer. A outra é internacional, sobre crochet, mas é cara, não dá para comprar muitas vezes... mas a net consóla-nos os olhinhos!

      Eliminar
  3. Adorei o resultado final, ficou muito especial. Muito mais gira do que a da revista.

    ResponderEliminar

Peço-vos, por favor, que não usem os comentários para divulgação de blogs, serviços ou produtos. Sei que compreendem ;)
Muito obrigada pelas vossas palavras!

Faz bem aos olhos | Crochet - Crafts - Lifestyle © 2014