domingo, 20 de setembro de 2015

Mini-mini

domingo, 20 de setembro de 2015
Já revelei imagens, do processo, da mini-mini aqui e aqui. É uma manta muito pequenina pensada para um carrinho de bonecas. Não surgiu por mero acaso. Tudo aconteceu quando li no L' avion Rose a publicação sobre um landau. A Val encontrou-o junto a uma série de tralha que deitaram ao lixo, e os seus olhos, perspicazes, conseguiram vê-lo renovado e pronto a fazer os encantos de outra criança,  a própria. Eu fui outra das crianças que o adorou e fez um regresso ao passado... Quando eu era miúda, a minha avó Laurinda levou-me numa viagem à Madeira. Foi tão excitante que me lembro como se tivesse acontecido nestes últimos dias. Foi a primeira vez que andei de avião, lembro-me tão bem da sensação de estar acima das nuvens e ficar boquiaberta com a beleza de tal visão (e também de estar constantemente a ler o manual de salvação, eheheh) . Lembro-me muito bem das paisagens que vi na ilha, lindas, de cortar a respiração. Lembro-me das estradas cheias de hortências, ou hidranjas como se diz aqui no norte. Lembro-me de uma praia sem areia, só com seixos. Lembro-me muito bem do hotel, do edifício, porque do nome já não me lembro, e lembro-me do quarto onde ficámos. Lembro-me do desenho das cortinas da banheira por tê-lo achado tão engraçado. Lembro-me da comida, tão boa. Lembro-me dos trajes tradicionais que as mulheres vestiam para vender flores. Flores deslumbrantes, algumas que eu nunca tinha visto como as aves do paraíso, ou estrelícias. Lembro-me de ver os ranchos a dançar na rua os bailinhos tradicionais da Madeira. Lembro-me de ver mulheres a bordar nas soleiras das portas. Lembro-me das espetadas que comi na Camacha, deliciosas, já na altura eu era apreciadora de boas paparocas. Lembro-me de muita e tanta coisa. Mas foi precisamente na Camacha que a minha avó me comprou o carrinho de bonecas muito parecido com o que a Val encontrou, todo feito em vime. Ver o landau da Val foi para mim um regresso ao passado. Estas coisas não se explicam, sentem-se e num impulso quando comentei a publicação da Val quis oferecer-lhe qualquer coisa, como gratidão, por me ter proporcionado um momento que me encheu o peito e me fez respirar tão fundo, num misto de comoção e felicidade, ao recordar-me da minha avó e daqueles dias felizes, e todos os outros, que passei ao seu lado. Obrigada Val



Continuo aborrecida pelo facto de não conseguir fotografias com a qualidade necessária, neste caso, para que vos mostre as cores tal e qual como são. Uma vez mais, refiro-me aos verdes que aqui parecem azuis... não me resta qualquer tipo de dúvida que em breve terei de investir numa máquina fotográfica. Tiro as minhas fotos com o telemóvel e são o que são. Estou desejosa que a Val publique uma fotografia com a mantinha já no landau, tenho a certeza que as cores vão estar iguais ao que são na realidade. Querida Val, muito obrigada por me deixares fazer esta publicação mesmo antes de veres a tua mini-mini ao vivo. E agora apresento-vos o landau da Val, já recuperado. Digam lá se não é tão bonito. É!


Em relação à Madeira, restam-me estes botins. Não são dessa altura, são posteriores. Pedi, há já uns anos, que mos trouxessem de lá. Precisam de ser recuperados, limpos. Tinha-os guardados e hoje ao retirá-los para vos mostrar apercebi-me que têm uma pequena mancha.


Desde aquela altura nunca mais lá voltei. Já lá vão trinta e seis anos... upa!
Com certeza absoluta que a ilha estará muito diferente mas de uma coisa tenho a certeza, continua bela.

Até já
Ana Lado B

34 comentários:

  1. Que gira a mini manta! Vai ficar o máximo no landau. Parabéns às duas, pela recuperação do carrinho de bonecas ficou lindíssimo, pela partilha que faz despertar sentimentos e boas recordações de meninas.
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Veja as novidades no meu espaço:
      http://asarteiricesdagracinha.blogspot.pt/2016/10/costurar.html
      bj

      Eliminar
  3. Que gira a mantinha para o landau da Val, e tão boas as tuas lembranças de menina. A cadeira azul ( ou será verde?), onde tens os botins também deve ser amorosa, e os botins merecem uma recuperação, sim. Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Tudo lindo e fofissimo: como tudo o que é em tamanho mini ;o) Beijinho

    ResponderEliminar
  5. Olá Ana, incrível como sem querermos despertamos tantas recordações noutra pessoa! Afinal, parece que um landau habita o imaginário de muitas meninas, pois como sabes quando avistei este carinho, encostado a um muro, prestes a ser recolhido pelo caminhão do lixo, imediatamente me veio à mente o melhor presente que recebi em toda a minha vida!
    E a tua mantinha é uma prenda linda, que eu vou ter todo o prazer em juntar ao enxoval, até porquê eu queria ter feito um cobertor em lã para o landau, mas não tive tempo hábil! nem sequer tenho os teus dotes também, é preciso que se diga! Quanto ao verde e ao azul, são duas cores que facilmente se confundem em fotos! mas tentarei ser o mais fiel possível quando postar a mini mini no l´avion rose! Beijinhos Ana, e obrigada pela tua generosidade e pelo teu olhar único sobre o crochet!

    ResponderEliminar
  6. PS: os botins são uma rica recordação! e aí tão lindos pousados sobre uma cadeira que não passa despercebida!

    ResponderEliminar
  7. Feliz 2016!
    Beijinhos.

    www.trapinhartes.blogspot.com

    ResponderEliminar
  8. que lindo seu blog, acabei de conhecer e já virei fã.

    baci

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Edna, muito obrigada e bem-vinda ao fazbemaosolhos :)
      Já fui espreitar os seus blogs, os dois, adorei! Dois assuntos que preenchem muito o meu Lado B, crochet e decoração, com muito bom gosto ;)

      Eliminar
    2. QUERIDA ANA è SEMPRE UM PRAZER VIR AQUI, VER A MAGIA QUE SAEM DAS SUAS MÃOS.
      OLHE NA VERDADE EU TENHO TRÊS BLOGUES, ANDAM MEIO PARADOS, MAS TENHO UM PARA CADA COISA QUE GOSTO, DECORAÇÃO CROCHÊ E COSTURA.
      BOM INICIO DE SEMANA FLOR

      http://dicadecosturadefifia.blogspot.it/

      Eliminar
  9. Que gostoso foi ler seu post!
    Já aconteceu isso comigo, ler um post de blogue amigo e voltar ao passado, com recordações de pessoas queridas que já se foram.
    Ficou linda a mantinha Parabéns!
    Bjuss!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pelas suas palavras Daiane ;) Bem vinda!

      Eliminar
  10. Agora foi a minha vez de recordar, ao ver os botins tradicionais da Madeira. Na minha adolescência usei muito, achava-os diferentes e com muito estilo. Comprava-os no Rossio, numa loja logo à saida da estação a caminho dos restauradores. Tantas boas lembranças...
    Também fiquei apaixonada pelo landau da Val, que com essa mantinha vai ficar ainda mais bonito.
    Obrigada pela visita, fiquei tão contente com os elogios!!!
    Bjo boa semana, e vou espreitar mais por aqui ;)

    ResponderEliminar
  11. Lembro de ver a publicação que a Val fez!! A mantinha que fez é linda e certamente foi recebida com muito carinho... Manuela

    ResponderEliminar
  12. Adorei passar por aqui, a mantinha é um amor e ficou tão bem no landau da Val, são peças únicas que já não há nos tempos de hoje. Parabéns!
    Também gostei muito das botas e fotografadas em cima dessa cadeira ficaram com outra cor.
    Bj

    ResponderEliminar
  13. Que linda mantinha , está tão delicada :)
    E esses botins deviam estar na decoração da casa , aposto que fariam sucesso pois essa manchinha nem se vê :)))

    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Qualquer dia volto a fazer mantitas destas. São tão giras para as miúdas brincarem com as bonecas :) Olha, bem o dizes Carla, houve uma altura em que as tinha expostas numa estante, aliás é normal ter sapatos nos móveis, neste momento tenho umas tamancas holandesas num dos móveis da sala e uns sapatos de flamenco (pequeninos, eram meus quando miúda) num dos móveis do hall dos quartos eheheh adoro passar por eles e olhá-los.

      Eliminar
  14. Tens mesmo jeito para o crochet, adorei o teu projecto! Mesmo com as fotos meio desfocadas dá para perceber o amor e energia que passaste :)

    deliciei-me ao ler o teu relato da Madeira. Peco um bocado por ainda não ter ido às ilhas portuguesas e já ter viajado o Mundo :P Mas está na lista do em breve!
    Usaria esses botins da Madeira na boa, acho que são tão etnicos e bonitos.

    Viver a Viajar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Marta! Gosto tanto de te ver por aqui :)
      Pois é, os botins, na verdade a mancha não me incomoda assim tanto, só ainda não me deu aquela vontade de os voltar a pôr nos pés. Sabes como é, são fases, às vezes apetece, às vezes não.

      Eliminar
  15. Tão linda e tão fofa essa mantinha! Gostei muito da história e da doce recordação que ela te traz. :)

    ResponderEliminar
  16. Olá Ana,

    Muito linda a mini mini manta, tão pequenina e tão cheia de boas lembranças e carinho, É um lindo presente e mesmo que as fotos não tenho ficado a gosto, nota-se bem o colorido da peça, bem ao gosto da Val.
    Beijos

    ResponderEliminar
  17. Tão linda Ana, essa mini :)
    Um mimo lindo, lindo, que ficará um máximo em conjunto com o carrinho lindo da Val :D
    Duas relíquias ;) Tudo que é pequenino é lindo e fofo :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, esta manta ficou uma delícia ;)
      Obrigada Sandra <3

      Eliminar
  18. Lindíssima a mini-manta, com cores lindas!
    Eu acho que as fotos estão boas!
    O carrinho ficou fantástico :) Que lindo restauro.
    Um beijinho

    ResponderEliminar

Faz bem aos olhos | Crochet - Crafts - Lifestyle © 2014